Portal de informações para você ser mais feliz!
Nas cinco áreas essenciais de sua vida!

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player


:: >> Jornal on-line

Menstruação e TPM x Corrida
Hoje em dia graças aos avanços da medicina, estão disponíveis muitos métodos para controlar ou eliminar o fluxo da menstruação, onde se a atleta tiver uma prova importante programada, pode interromper a menstruação naquele período com o uso de anticoncepcionais, mas tudo deve ser planejado antecipadamente com a orientação de um médico ginecologista.

Um simples anti-inflamatório pode ajudar a reduzir o fluxo e as possíveis dores dos primeiros dias, além de melhorar a sensação de peso. Isso pode ser apenas um paliativo, mas ninguém precisa ficar sofrendo de dores. Esses remédios específicos ajudam a controlar a descarga de endorfina liberado no exercício.

Com relação aos males prévios (TPM) pode-se dizer que estes interferem diretamente na performance, onde na segunda fase do ciclo a mulher está encharcada de progesterona que a deixa mais suscetível à depressão e a imunidade abaixa. Em muitos casos a corrida anula os efeitos prejudiciais, mas por outro lado, quando em excesso, pode provocar alterações no ciclo menstrual, levando até em casos extremos a menorréia (interrupção da menstruação).

Deve-se, portanto, procurar utilizar um absorvente mais confortável, observar os sinais de reação do corpo e principalmente respeitar seus limites, não ultrapassando os treinamentos prescritos nas planilhas de treinamento e sendo coerente para não se tornar uma atleta de risco.
Fonte da notícia: Sentirbem.uol
Data da publicação: 22/07/2011
Comentários


































Faça um comentário